Balança comercial do Brasil tem superávit de US$6422 bi em maio

O superávit da balança comercial do Brasil, depois de dois meses de queda, voltou a subir no mês passado. Em maio, o país exportou US$ 6,422 bilhões a mais do que importou, alta de 5,8% em relação ao resultado positivo de US$ 6,073 bilhões de maio de 2018.

Este foi o terceiro melhor resultado da série histórica para o mês, só perdendo para maio de 2017 (superávit recorde de US$ 7,661 bilhões) e de 2016 (superávit de US$ 6,43 bilhões). Com o resultado de maio, a balança comercial – diferença entre exportações e importações – acumula superávit de US$ 22,806 bilhões nos cinco primeiros meses de 2019, valor 5,9% inferior ao do mesmo período do ano passado.

Os dados foram divulgados na segunda-feira (3) pelo secretário de Comércio Exterior substituto do Ministério da Economia, Herlon Brandão, em entrevista coletiva. “Tivemos crescimento da corrente de comércio, que é a soma das exportações e das importações, e isso sinaliza uma melhora da atividade econômica, ao contrário do que vinha acontecendo nos últimos meses com as vendas externas em queda’, afirmou Brandão.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário